Prováveis alvos para a escolha #25 de 2012: Running Backs

Terminando a série dos jogadores no nosso radar pro draft, escolhi a posição que acredito ser a 3ª em ordem de necessidade: os running backs. O McGahee já não é mais um menino e o Moreno se machuca mais do que deveria, por isso seria interessante termos mais um jogador jovem na posição.

Como teremos um ataque “pass happy” com o Peyton Manning, essa posição deixou de ser uma necessidade primária, mas ainda assim precisamos de ajuda. De preferência um jogador que saiba receber passes no openfield e bloquear contra blitzes. Vamos aos prováveis nomes disponíveis:

Continue lendo…

Prováveis alvos para a escolha #25 de 2012: Cornerbacks

Continuando a analisar os possíveis jogadores que serão draftados na 1a rodada, é hora de observamos os cornerbacks. Vejo a posição como a nossa segunda maior necessidade apesar do talento que temos no Champ Bailey e no Tracy Porter.

Temos bastante juventude na posição para rotação, mas precisamos de talento titular para o futuro já que o Bailey não vai jogar para sempre. Por esse motivo, se quisermos trabalhar um jovem para assumir a posição, precisamos de alguém selecionado na 1ª ou 2ª rodada de algum draft. Este ano, para a escolha #25, as opções mais prováveis são:

Continue lendo…

Analisando os jogos da temporada 2012

Analisando rapidamente o calendário de jogos do Denver Broncos para a temporada 2012 observamos que dos 13 times que enfrentaremos, 7 deles estiveram nos playoffs do ano passado. Assim conclui-se rapidamente que será um calendário muito difícil, talvez um dos mais difíceis que a franquia já encarou.

Se descontarmos os 6 jogos anuais contra rivais de divisão (e vejam que o Chiefs está com um time, no mínimo, razoável para 2012), restam 10 jogos. Nesse montante de 10 jogos, 7 deles serão contra times de playoffs do ano passado (PIT, ATL, HOU, NE, CIN, NO e BAL) sendo que Steelers, Saints e Patriots estavam nos 3 últimos Super Bowls.

Continue lendo…

Peyton Manning no comando dos treinamentos

Peyton Manning definitivamente não perdeu tempo para comandar o show com os Denver Broncos.

“Ele está literalmente liderando tudo. Ele está preparando a gente e nos colocando nas posições corretas”, disse o WR Andre Caldwell sobre os treinos voluntários, de acordo com a ESPN.com. “Ele não está fazendo os drills, mas ele é o grande líder em todo o resto.”

Isso não é uma grande surpresa, dado que o Manning é bastante conhecido por trabalhar duro. Mas isso sem dúvidas coloca em foco como ele é um jogador especial. Quantos jogadores podem se juntar a um novo time e ser o líder inquestionável desde o momento em que entrar no vestiário?

Caldwell, que passou a última temporada com o Cincinnati Bengals, falou sobre a diferença em se trabalhar com o Manning depois de um difícil período com o calouro Andy Dalton.

“É uma diferença enorme”, disse. “O Quarterback tinha que se ajustar a nós ano passado mas, ao contrário disso, o Peyton está liderando a gente. Ele está nos mostrando todos os drills que precisamos fazer. Ele está à frente de todos, e é apenas o nosso líder. Estando com um calouro como QB no ano passado, nosso líder estava na linha ofensiva. Este ano o líder é  o QB.”

É fácil imaginar o brilho nos olhos do Caldwell enquanto ele discute a situação que ele está envolvido. Dalton foi um grande sucesso como calouro na última temporada, mas jogar com o Peyton Manning é como o cálice sagrado para qualquer Wide Receiver.

GO BRONCOS!