De Olho no Los Angeles Chargers

Saudações nação azul e laranja! Após uma partida bem ruim ofensivamente contra os Chiefs, é hora de analisar o nosso próximo adversário: o Los Angeles Chargers, que nos enfrentará em Denver no próximo domingo, dia 01 de novembro de 2020.

A partida deste domingo é muito importante para a nossa equipe, pois é a chance de começar bem uma sequência de 4 jogos teoricamente mais acessíveis (Chargers, Falcons, Raiders e Dolphins) que podem dizer qual será o rumo da nossa temporada. Por ser um rival direto, derrotar os Chargers é muito importante por dois motivos: os Broncos ficarem 3-4 no geral e os Chargers em 2-5; Dentro da divisão, os Broncos ficariam com campanha 1-1 enquanto os Chargers ficariam 0-2.

Abaixo trago alguns pontos fortes e fracos do nosso próximo adversário.

Broncos x Chargers – Semana 8 da Temporada 2020

ADVERSÁRIO – LOS ANGELES CHARGERS

DATA DA PARTIDA: 01/11/2020

LOCAL: EMPOWER FIELD AT MILE HIGH – DENVER

Pontos Positivos: pass rush e corpo de recebedores.

Os Chargers possuem um pass rush muito bom, com grande destaque para a dupla Joey Bosa e Melvin Ingram III. Ingram perdeu algumas partidas na temporada por lesão, mas seu potencial junto com o Bosa já é conhecido e é uma ameaça constante aos quarterbacks adversários. Bosa é um dos melhores defensive-ends da NFL e tem até aqui na temporada 4,5 sacks, 11 quarterback hits e 7 tackles for loss.

Um outro jogador que vem produzindo bem por parte dos Chargers e deve ser motivo de vigilância por parte da nossa linha ofensiva é o linebacker Uchenna Nwosu, que até aqui possui 3,5 sacks, 8 quarterback hits e 3 tackles for loss.

Portanto, é essencial que nossa linha ofensiva proteja bem nosso quarterback de forma a evitar que Bosa e companhia consigam chegar nele. Segurar (no bom sentido) Bosa e Ingram III é uma das chaves da vitória desta partida.

Um outro bom ponto de destaque dos Chargers é o corpo de recebedores da equipe, com destaque para a dupla Keenan Allen e Mike Williams. Allen na temporada computou 481 jardas aéreas e 2 touchdowns, enquanto Williams tem 213 jardas aéreas e 2 touchdowns. Com Justin Herbert se entrosando cada vez mais com seu ataque, a dupla deve ser marcada de perto pela nossa secundária, pois com certeza o calouro de Oregon tentará vários passes para seus principais jogadores ofensivos. Bouye, Ojemudia, Simmons e companhia devem estar bem atentos às movimentações e rotas do ataque dos Chargers para nos darem ainda mais chances de ganharmos a partida.

Pontos Negativos: jogo corrido e secundária.

Os Chargers vêm demonstrando ao longo desta temporada uma dificuldade em marcar o jogo corrido do adversário, cedendo bastante jardas por partida. Até aqui, nos 6 jogos realizados, cederam 678 jardas terrestres e 4 touchdowns.

A dupla de running backs dos Broncos Lindsay e Gordon possuem ótimos números correndo com a bola até aqui na temporada: Lindsay possui 204 jardas em apenas 3 partidas e Melvin Gordon tem 349 jardas em 5 partidas. Portanto, uma das chaves da vitória é utilizar bem o jogo corrido (é claro que protegendo bem a bola sem sofrer turnovers) para ganhar território e assim mover as correntes para conseguir colocar pontos no placar.

A outra chave da vitória passa pela conexão entre Drew Lock e nossos wide receivers e tight-ends. A secundária dos Chargers não vêm trabalhando bem, dando muito espaço para os recebedores das equipes adversárias ganharem jardas e fazerem touchdowns. Até aqui, a equipe de Los Angeles cedeu 1597 jardas aéreas e 11 touchdowns.

Assim, é essencial que Drew Lock e nosso ataque aéreo apareçam para o jogo. A mudança de rotas de Jeudy, a velocidade de Hamler, a presença física de Fant, Patrick e Albert O são armas que o QB deve usar para punir a secundária dos Chargers. Lock deve melhorar suas leituras e escaneamento do campo, para assim fazer os passes certos para conectar nossos recebedores, possibilitando assim que nosso time chegue à vitória.

Acredito que será um jogo parelho e bem apertado. Vejo os Broncos com uma excelente defesa que pode mais uma vez ser dominante e ajudar a equipe a conseguir a vitória, assim como nosso ataque tem potencial para dar a volta por cima e colocar pontos no placar, trazendo assim mais uma vitória para Mile High!

Let’s go BRONCOS!

Palpite para a partida: Vitória dos Broncos

Placar: 27 x 24