Conhecendo Netane Muti

Saudações torcedores e torcedoras dos Broncos! Com a pick 181 escolhemos o G Netane Muti, de Fresno State. Uma verdadeira aposta de nosso scouting, já que em sua breve carreira se lesionou algumas vezes, mas quando teve a oportunidade de jogar e mostrar suas habilidades, demonstrou uma força absurda de fazer com que seus adversários fiquem com medo de tentar evitar o avanço dele pela defesa do time. Vamos conhecer um pouco mais sobre a nossa escolha? 

Primeiros anos 

Netane Alpati Muti nasceu em 27 de março de 1999 (tem 21 anos) em Tonga, um país na Oceania composto por várias ilhas no Pacífico Sul. Porém se mudou muito cedo para Wahiawa em Oahu, Havaí. Nesse período de readaptação por conta da mudança, sofreu bullying por parte de seus colegas de escola por não falar inglês. Acrescente a isso vários costumes diferentes de Tonga (como a alimentação), não ter uma comunicação eficaz com os professores e problemas de aprendizado por conta da linguagem utilizada. O resultado foi a volta de Muti para Tonga por um tempo para que pudesse se adaptar aos costumes do Havaí e aprender a língua inglesa. Voltando para o Havaí, começou a tocar na banda da escola, onde teve o primeiro contato com o futebol americano e decidiu que era esse caminho que iria trilhar em sua vida, mesmo que não soubesse nem mesmo sobre as posições do jogo. 

Muti acabou se tornando um jogador de “mão dupla” na Leilehua High School, jogando como left tackle e left guard no ataque e tendo algumas aparições como nose guard e end na defesa. Em seu segundo ano no time, definiu que seu destino era a NFL e seus esforços foram voltados para sua evolução para que chegasse ao seu objetivo. Para isso, escreveu uma carta motivacional deixando claro que o intuito de entrar na liga seria para ajudar sua família (foto abaixo). 

Ganhou as honrarias como second-team do ScoringLive all-Hawaii Division I (atuando como offensive lineman), assim como o American Family Insurance ALL-USA Hawai’i (desta vez como defensive linemen), o first-team no all-O’ahu Interscholastic Association Red honors (jogando como DL) e angariou vários elogios do segundo time atuando como OL. Muti, originalmente, se comprometeu a jogar pelo Hawaii Rainbow Warriors, assinando uma carta de intenções com a University of Hawai’i no Dia Nacional da Assinatura. No entanto, depois que seu pedido foi suspenso devido à pontuação em um teste, Muti solicitou e foi liberado da U.H. e, então, pôde assinar com Fresno State. 

Muti no College 

Em seu primeiro ano nos Bulldogs, Netane Muti sofreu uma lesão no Aquiles na pré-temporada, o que fez com que fosse designado como redshirt e não jogasse aquele ano. Como redshirt freshman, participou de todos os 14 jogos como titular e foi membro de uma linha ofensiva que ficou em terceiro lugar no país por permitir apenas 10 sacks em toda a temporada(!) e terceiro lugar em tackles for loss, permitindo a singela quantia de 46. Esta mesma linha ofensiva ajudou a segurar seis oponentes sem sacks nos 14 jogos da temporada, enquanto o máximo permitido foram dois. Por seu desempenho, recebeu a Honorable Mention All-Mountain West. Como sophomore, iniciou os dois primeiros jogos da temporada como left tackle antes de, durante o segundo jogo em Minnesota, sofrer lesão em seu outro Aquiles que encerrou sua temporada em 8 de setembro. Mesmo assim, Muti foi nomeado para a pré-temporada na lista de observação do Polynesian College Football Player of the Year. Em 2019, seu último ano como um Bulldog, foi eleito capitão da equipe no início da temporada e listado como redshirt junior. Foi starter em 3 jogos, mas sofreu uma Lisfranc Injury (lesão no pé em que um ou mais ossos metatarsais são deslocados do tarso) no terceiro jogo, o que o afastou dos últimos nove jogos do ano. 

Em janeiro de 2020, apesar de ter jogado apenas cinco jogos completos nas duas temporadas anteriores, Muti anunciou que renunciaria à sua última temporada de elegibilidade para a faculdade e se declararia para o Draft 2020 da NFL. 

Muti no processo pré-Draft 

Apesar das lesões e de poucas aparições em campo, Netane Muti foi listado como o melhor prospecto de interior de linha ofensiva da classe do Draft pelo Pro Football Focus por conta de sua força. Foi liberado pelos médicos a participar de forma limitada do Combine, onde mediu 1,90m de altura (6 ft. 3), 143 quilos (315 lbs), os braços mediram 80cm (31 ¾ inches) e as mãos 28,5cm (10 5/8 inches). E mostrou para que veio no bench press. Realizou 44 repetições no supino, que foi o melhor resultado para um prospecto desde 2012.

O analista da NFL Lance Zierlein comparou as habilidades de Muti com as de Isaac Asiata e acrescentou: 

[Ele é um] prospecto de guard de ossos grossos com mãos pesadas, força na parte superior do corpo em expansão e uma quantidade limitada de jogos devido a uma série de lesões graves. Muti joga com uma marca pesada e estática de football, que consegue perto de sua posição, mas vê retornos cada vez menores quando solicitado a se aventurar fora de sua base. Suas mãos e pés não cooperam, criando equilíbrio e controle corporal inconsistentes. Ele tem mãos e pés adequados para as tarefas de proteção de passes dentro [da linha], mas precisa melhorar seu trabalho de pés. Muti tem potencial para ser um starter no futuro em alguma equipe, mas seu histórico de lesões pode dificultar a sua escolha no Draft. 

Sobre suas lesões, a participação limitada no Combine e o processo de recuperação, Muti disse o seguinte: 

Sim, tem sido frustrante, com certeza. É o tipo de razão que eu deixei [de participar completamente do Combine] foi por causa disso. Ser capaz de cuidar do meu corpo… Apenas ser um atleta em tempo integral… Sinto que tudo o que preciso é uma chance na NFL, e eu realmente poderia estar saudável no próximo ano e dominar. Estou com 90% agora e não quero mostrar aos scouts nada além do meu melhor. 

Em 13 de abril de 2020, reports indicavam que Muti estava no radar do Baltimore Ravens por conta da aposentaria do pro bowler RG Marshal Yanda, cogitado para uma das duas escolhas que tinham no 2nd round do Draft 2020. Contudo, mudaram de ideia e escolheram o RB J.K. Dobbins na pick 55 e efetuaram a trade das picks 60 e 129 (sendo esta de 3rd round) com o New England Patriots em troca das picks 71 e 98 (as duas de 3rd round).

Os Broncos aproveitaram a queda de Netane Muti no board e agradeceram que ele continuava disponível no 6th round na pick 181, afinal o jogador é basicamente um prospecto que nosso técnico de linha ofensiva Mike Munchak adora ter em sua tutela, pois têm muito o que trabalhar e desenvolver. Porém algo que não podemos questionar é a força interior, poderosa e variada de Muti, demostrando que a capacidade de se destacar em como parar corridas e até mesmo passes está ali e precisa ser aprimorada para os parâmetros da NFL. Mas, se conseguir se manter saudável e evoluir pontos importantes como a falta de controle corporal e o uso técnico das mãos, será um grande passo para se tornar um bom jogador (titular ou para a rotação) de nosso roster.  

Muti nos Broncos 

A escolha de Netane Muti repercutiu de forma positiva por boa parte dos analistas de Denver e pela torcida, mas a real preocupação e pergunta que fica na cabeça de todos é se Muti terá problemas com lesões, pois sabemos bem que a intensidade de jogo da NFL é bem diferente de um jogo no College. Porém sabemos que há espírito de liderança no jogador, bem como força de vontade, sede de aprender e a questão de provar para todos os times que duvidaram dele devido ao histórico de lesões de que estão errados, que será de fato um jogador que assombrará defesas durante muitos e muitos anos.

Após o Draft, John Elway disse que a equipe médica dos Broncos teve mais preocupações com a lesão no pé (Lisfranc) do que com as lesões nos Aquiles, já que os médicos do time acreditam que o Aquiles na verdade fica mais forte após a cirurgia de reparação.

Por enquanto Muti é um bom reforço para nosso depth e, com a mentoria de Munchak e o apoio de todo o roster dos Broncos, quem sabe não se torne starter mais rápido do que esperamos? 

Afinal, quem não queria ter um jogador que faz isso: 

Ou isso: 

Ou isso: 

Ou isso: 

E aí torcedores e torcedoras, o que acharam da escolha do G Netane Muti? Deixem suas opiniões. Aproveitem e sigam o Mile High Brasil no Twitter, no Instagram e apoiem nosso trabalho pelo Apoia.se

Go Broncos!