Pick-six

Pick-six – 07/05/2017

Olá, leitor e torcedor de sangue azul e laranja, a coluna Pick-six está aqui para elucidar suas dúvidas. Com ela, vocês “lançarão” as perguntas e nós “retornaremos” as respostas. As dúvidas poderão ser colocadas no formulário que estará no fim do post e será respondido na semana seguinte. Lembrando que as respostas são pessoais e não são verdades absolutas, vocês podem discutir nos comentários. Divirtam-se.

Semana passada com o Draft rolando, não colocamos a Pick-six no ar. Os nervos estavam a flor da pele e muitos iriam passar despercebidos por ela, no entanto, após as aprovações e desaprovações das escolhas aqui estamos outra vez, desta feita na calada da noite, pegando os desavisados de surpresa, então…

 

Vamos as questions.

Nosso leitor Leandro Oliveira, de 29 anos, da cidade de Centralina, nos mandou a seguinte pergunta: “Com o resultado do draft, podemos dizer que Elway confia em CJ Anderson pra ser titular pra essa temporada?” E quem responde essa, é o Head Coach do Juiz de Fora Imperadores e redator do MHBr nas horas vagas, Comandante Hamilton.

Confiar ou desconfiar não é o caso, Elway não priorizou Running backs neste draft porque existem outras prioridades no time, mesmo que não confiasse em C.J. o que não é o caso, temos Booker no elenco e ele é um talento a ser lapidado. Uma escolha alta nesta posição seria admitir que não confiamos em Booker também. A contratação de Jamaal, vejo mais como uma aposta barata em reerguer um cara que pode tornar nosso ataque mortal e mais imprevisível, acrescentando um cara que é otimo recebendo passes, do que desconfiança em nosso corpo de Running backs.

 

De João Pessoa, na Paraíba, Jader Tavares, de 22 anos, pergunta: “Para a temporada de 2018, o QB Kirk Cousins pode ser uma alternativa, já que não assinou um contrato longo com o Washington Redskins?” O nosso podcaster e Head Coach do Corupá Buffalos Deivis Chiodini responde.

Vai ser um dos nomes mais procurados do Futebol Americano, e com certeza vai ser caríssimo. Não acho que com o cap que temos para 2018 iremos atrás de um Quarterback caro.

 

 

 

A outra pergunta vem do nosso leitor, Paulo Viotto, de 60 anos, da cidade de Itatiba, que nos questiona: “Jogadores escolhidos no draft dificilmente viram titulares no primeiro ano. Vocês acham que o nosso elenco atual dá conta de ir para os playoffs este ano? Vocês estão apostando alto na nova comissão??” e quem responde essa, também é o Comandante Hamilton.

Ir para os playoffs este ano será uma tarefa Hercúlea, temos um time com deficiências claras, e trabalhamos nisto na offseason, se vai funcionar ou não são outros 500. Temos pela frente a divisão mais forte da NFL e a tabela mais difícil também, mesmo com essas dificuldades não podemos descartar nosso time jogando em janeiro, mas não somos os favoritos da divisão, teremos que contar com algumas vitórias improváveis e também com tropeços de adversários.

 

Respondendo o Rafael Dias, da cidade de São Carlos, que quer saber: “Alguma novidade em relação à situação do Justin Forsett, e quais as perspectivas para a posição de Running back?” O responsável pelo Pick-six, no caso eu, responde.

Nos últimos dias vimos que Forsett se aposentou depois de 9 anos de carreira, e anotou somente um touchdown pelo Denver Broncos, gostaríamos de ter visto mais dele pelo time do Colorado, no entanto a idade pesa para os Running backs e a hora do Justin Forsett chegou. Agora a perspectiva para a posição está a mais otimista em anos, talvez nunca tivemos um corpo de RBs tão conciso, C.J., Booker, Charles, Henderson e Janovich, estão nas cabeças, temos muitos talentos mas também alguns injury prones, acredito que McCoy selecionará os melhores e nós vamos descançar em paz nas 3 para 1 nessa temporada.

 

Leandro Oliveira, de Centralina em Minas Gerais, tem mais uma pergunta: “Ty Sambrailo ainda tem espaço no Broncos? Como tackle foi uma negação e como guard eu vejo Scholfield à sua frente. O que fazer com o jovem Ty?” O LH Almeida assumiu a responsa e respondeu essa.

LH AlmeidaSambrailo não foi tão mal assim, no pouco tempo que jogou como LT. Em defesa dele, nossa comissão técnica anterior fez um trabalho ruim com todos os OLs, incluindo Garcia, que regrediu. Ele tem todas as habilidades atléticas para, no mínimo, ser um swing tackle decente, basta ter treinamento. Ainda acredito que ele pode ser um backup útil nos próximos anos.

 

Direto de Campo Grande, Mato Grosso do Sul, Thiago Oliveira indaga: “O que vocês acham do Todd Davis, pois quando Marshall se machucou, a nossa defesa contra o jogo corrido não foi muito bem, será que precisamos de um ILB, ou com um NT melhor o seu jogo possa melhorar?” O nosso Comandante Hamilton, responde mais essa da seguinte forma.

Eu particularmente acho que esse setor vai ser a maior dor de cabeça deste ano, Davis não é a resposta para a posição, e não me surpreenderia se ele não começasse como titular neste ano. Marshall se mostra incompleto sem alguém de alto nível ao seu lado, e uma nova lesão do nosso camisa 54 que venha acontecer, pode deixar a defesa novamente com um grande ponto fraco a ser explorado pelos ataques adversários, já pensaram na OL do Cowboys partindo para bloqueios no segundo nível com Todd Davis em campo?

 

Clique nesse formulário para enviar suas perguntas, para a próxima semana.

Se você não teve sua pergunta respondida nesse post, não fique triste, como são apenas 6 respostas por publicação, talvez a sua não tenha sido escolhida, mas responderemos no próximo, não desanime. Participe.

Mais uma vez salientando que essas respostas não são verdades absolutas e sim apenas opiniões pessoais, não só minhas mas de toda a equipe MHBr.

Lembrando que se você ainda não é um apoiador, e gostaria de ajudar nosso site, entre em apoia.se/milehighbrasil.

#GoBroncos