Wade Phillips é o novo Coordenador Defensivo

Wade Phillips é o novo Coordenador Defensivo do Broncos

Bem, amigos do Broncos Brasil, finalmente, nossa comissão técnica está completa. Wade Phillips foi anunciado como novo coordenador defensivo do Denver Broncos. É mais um que se reúne a Gary Kubiak e mais um que volta para casa depois de anos. Vamos conhecê-lo um pouco mais?

Wade Phillips nasceu em 21 de junho de 1947, tendo, hoje, 67 anos. Jogou apenas no College, tendo sido Linebacker titular da University of Houston por 3 anos, entre 1966 e 1968. Ele tinha o recorde da faculdade de tackles assistidos até 2011, com 228. Ele não era o favorito para o cargo, sendo este seu discípulo Vance Joseph, mas é, talvez, o melhor nome entre os disponíveis, já que o Bengals decidiu não liberar Vance para ganhar o dobro do salário em outro time.

No ano seguinte ao que parou de jogar, Phillips começou a trabalhar como assistente defensivo na própria universidade, assumiu como coordenador defensivo entre 70 e 72 na Lutcher Stark High School, e depois passou três como técnico posicional das defesas da OSU e da University of Kansas.

Na NFL, foi técnico de posições, entre DL e LBs, do Houston Oilers e do New Orleans Saints por 10 anos, quando começou a trabalhar como DC do Saints. Na posição de DC, trabalhou no Saints, Eagles, Broncos, Bills, Falcons e Texans.

Em mais de 23 anos como DC, sete de suas defesas ficaram entre as quatro melhores em relação a jardas aéreas permitidas por tentativa. Seis delas ficaram entre as cinco melhores em jardas aéreas permitidas e outras quatro ficaram em primeiro ou segundo lugar em touchdowns aéreos permitidos.

Wade foi Head Coach, interina ou permanentemente, de Saints, Broncos, Bills, Falcons, Cowboys e Texans. Como HC, tem um histórico respeitável de 82-61-0 na temporada regular.

Opinião da Equipe sobre Wade Phillips

Wade Phillips como Head Coach

Como fiz com Rick Dennison, perguntei à equipe o que eles achavam de Wade Phillips como Coordenador Defensivo.

Everton:

“No fim da história de mudança de técnicos, o Wade Phillips era o meu nome preferido. Acho que ele é um profissional provado e com experiência. E se ele foi chamado, é porque está em sintonia com a nova filosofia que o Elway está implantando. Com todo o talento disponível no elenco, espero ver uma defesa mais agressiva, com muitos turnovers e sacks.”

Fábio:

“Meu nome favorito era o Vance Joseph. O Wade pode ser bom pois conhece a casa, é bastante familiar com o Kubiak e gosta de defesas agressivas. Por outro lado, ele já tem bastante idade, e pode não ser muito criativo, além de ter sido o DC no Super Bowl que sofremos 55 pontos. Mas agora que é oficial, seja bem-vindo, e que faça um excelente trabalho no Broncos!”

Grando:

“Talvez ele seja a melhor opção no mercado atualmente, mas isso não é garantia de sucesso. Uma coisa é pegaruma defesa ruim e transformá-la em algo bom, como ele fez com os Texans em 2011, quando assumiu a 30ª defesa da liga e levou à 2ª posição. Outra é assumir uma defesa que já está entre as melhores e extrair o máximo de suas peças. Sabemos que a defesa foi bem, mas todos esperávamos mais, pelos jogadores que JDR tinha à sua disposição. Espero que ele consiga corrigir a inconsistência que a defesa demonstrou em momentos específicos, como terceiras descidas longas e alguns drives (como a campanha do Seahawks no overtime, na semana 3 do ano passado).”

Pedro:

“Wade Phillips é um monstro como coordenador defensivo. É o tipo de cara que consegue desempenhar essa função com excelência – mas não tem o mesmo talento em outras funções. Pelo currículo dele em Houston, principalmente, minhas expectativas pra essa defesa 3-4 da próxima temporada são beem altas.”

Para mim, Wade era o melhor dos nomes. Se for verdade que Vance estará disponível ano que vem, e Wade passará a ser consultor defensivo sênior para ele, teremos mais uma peça no nosso time que entende as coisas, e tem experiência de chegar no grande jogo. Suas chamadas simples, alinhadas com sua agressividade, devem liberar Ware e Von para tocarem o caos nos quarterbacks adversários. A única coisa agora é renovar com Terrance Knighton. Ele é um NT perfeito, e é difícil encontrar um hoje em dia.

A Comissão Técnica de Wade Phillips

Diferentemente da comissão técnica do ataque, que manteve boa parte das principais peças, nossos assistentes técnicos defensivos foram levados por John Fox e Jack Del Rio para seus novos times. Para seus lugares, vieram, na grande maioria, técnicos que já trabalharam com toda nossa equipe técnica.

Começando pela frente, nosso novo técnico de DL é Bill Kollar. Ele ficou famoso ao dar um discurso numa cerimônia de premiação dizendo que lutou com um urso quando jogador. Acho que um cara assim pode motivar nossos jogadores de linha. Numa atitude completamente oposta à do Bengals, o Houston Texans liberou Kollar pra ficar mais perto dos netos, que moram em Denver. Com a possível mudança para 3-4, o front seven é uma área que devemos observar com atenção, e para colaborar com Kollar nisso, Reggie Herring foi contratado para cuidar dos linebackers. Ele trabalhou sob Wade Phillips por 6 anos, entre 2008 e 2013, tendo trabalhado com Kubiak nos últimos três anos desse período. O único que não tem relação direta com Gary Kubiak e Wade Phillips é Joe Woods, novo técnico da secundária. Ele foi o técnico da secundária do Raiders ano passado, sob nosso ex-DC Dennis Allen,  e tem mais de 20 anos de experiência na posição,  tendo passado por Buccaneers e Vikings.

Além dos técnicos defensivos, na semana passada também foi anunciada a contratação de Joe DeCamillis como Coordenador de Special Teams. Ele é mais um que é prata da casa, tendo começado sua carreira na NFL como parte da administração de futebol americano do Broncos entre 88 e 89, e depois passando mais dois anos como técnico de controle de qualidade defensiva. Depois disso, ele teve 22 anos na posição de técnico de ST, a mais recente delas nas últimas duas temporadas com o Chicago Bears.

Bem, senhoras e senhores, aí está. Wade Phillips à casa torna, e nosso corpo técnico está completo. O que acharam da contratação?

#GoBroncos!