Champ Bailey melhor que nunca

Uma grande parte do foco do Denver Broncos atualmente é no futuro Hall of Famer que temos no ataque – o famoso quarterback chamado Peyton Manning -, mas não podemos esquecer do igualmente futuro HOFer da defesa.

O Champ Bailey completa 34 anos na próxima semana, mas ainda continua um mistério da natureza: um cover corner que ainda se alinha em man coverage semana sim, semana não e cobre o melhor recebedor do outro time.

É um duro trabalho para qualquer cornerback jovem, imagine para ele que está entrando em sua 14ª temporada na NFL!


Apesar do Bailey continuar sendo um dos melhores corners da liga, sua habilidade em correr lado a lado com os melhores recebedores o fazem um dos melhores de todos os tempos na posição. Ele ainda se sente muito bem e acha que ainda tem muito futebol americano para jogar e muitos passes para defender.

“Eu ainda estou tão bom quanto eu era quando tinha 22 ou 23 anos”, disse o Bailey durante uma pausa entre os treinamentos no minicamp. “Eu não corro mais tão rápido ou pulo tão alto. Mas estou mais inteligente. Eu sei  como cuidar melhor do meu corpo. Eu sei como antecipar as coisas um pouco melhor. Eu entendo o futebol americano melhor, e isso me faz continuar sendo um dos melhores do meu jogo”.

Ele sabe que a idade está se tornando um fator. O corpo dele diz isso toda semana, cada vez mais a cada ano.

“Eu posso dizer que já joguei um bocado. Eu não saio mais por aí como eu fazia quando era mais jovem. Eu sabia que isso poderia acontecer algum dia quando eu começasse a me sentir mais velho, mas eu ainda posso jogar”.

Com a aposentadoria do safety veterano Brian Dawkins e da dispensa do cornerback Andre’ Goodman, o Bailey agora é o jogador com mais tempo de jogo na secundária do Broncos. O próximos jogadores mais velhos são o safety Mike Adams e o cornerback Drayton Florence, ambos com 31 anos. Depois disso, temos um grupo de jogadores com 25 anos (ou mais jovens).

Foi por isso que o Champ Bailey resolveu se barbear depois de ficar barbudo em 2011, era algo que o fez parecer mais como um vagabundo de esquina que um jogador de Pro Bowl.

“Eu tive que fazer isso para me adaptar”, ele disse sobre ter deixado a barba crescer. “Esses caras são jovens, eu tive mesmo que fazer isso para me adaptar”.

O Bailey admitiu que a barba, que o proporcionou bastante atenção no final da temporada passada, o fez parecer mais velho. Ele está com a barba feita agora, e diz que não tem planos de deixá-la crescer de novo este ano.

“Nós temos caras jovens na secundária”, disse o nickel corner Chris Harris. “Ele disse que tinha feito isso para se parecer mais com a gente”.

Aos 22 anos de idade, o Harris cresceu fingindo que era o Bailey quando ele jogava como cornerback em Pop Warner.

“A gente fazia como se fôssemos o Champ. Nós todos queríamos ser ele”, disse.

O cornerback Tracy Porter assinou como free agent para jogar no time do Bailey. Quando perguntado se ele estava admirado pela maneira como o Bailey jogava nessa idade, ele disse:

“De modo nenhum. Ele tem feito isso pelos últimos 13 anos anos. Ele ainda é capaz de cobrir. Eu estou admirado é de jogar com ele. Ele é o Champ Bailey. Ele é definitivamente um cara que eu estou aqui tentando aprender com ele”.

O Champ Bailey foi eleito para o Pro Bowl em 7 das 8 temporadas que jogou em Denver, e para 11 das suas 12 temporadas na NFL. É o maior número para a posição de cornerback, e apenas 1 aparição a menos para empatar o recorde de aparições em Pro Bowl do Will Shields e do Randall McDaniel. Esperamos que ele tenha novamente uma temporada fantástica e alcance essa importante marca na carreira. Ele merece.

GO BRONCOS!

Gostou do post? Clique em Like e Comente ;)